A maioria de nós, praticantes da Terapia Tântrica, sabemos que o Tantra traz muitos benefícios para nossas vidas, mas você sabia que o Tantra do Amor é uma forma profunda e eficiente de ter relacionamentos mais saudáveis?

Este ano, em junho, mês que é comemorado o dia dos namorados, muito se falou da hashtag #NãoEraAmorQuando, onde pessoas compartilhavam frases que davam indícios de sinais de um relacionamento abusivo. A medida servia como alerta para muitas pessoas que poderiam estar nesse tipo de relação.

Mas, a pergunta que esta situação deixa no ar é de, porque será que em pleno século XXI, com relacionamentos mais livres e abertos, e uma maturidade sexual mais elevada por parte da população, ainda existem pessoas que se encontram presas nesses relacionamentos?

Para entender um pouco mais sobre esta pergunta, precisamos entender um pouco mais sobre o amor! Assim, vamos compreender como o Tantra do Amor nos auxilia na manutenção de um relacionamento saudável, livre e empoderado!

Nossa relação com o amor

O amor é essencial para a sobrevivência em sociedade, e nós, seres humanos, estamos frequentemente procurando por ele.

No entanto, o amor não significa ter um parceiro. Ao contrário do que somos levados a acreditar, o amor não é encontrar em outra pessoa.

O verdadeiro que realmente precisamos é o amor em seu sentido mais amplo.

Portanto, O amor-próprio é uma condição essencial para uma vida saudável, plena e feliz e o amor ao próximo é a base para que possamos ter um convívio social sadio.

Ele pode se manifestar várias formas, mas para que o amor exista é preciso estar presente.

Okay. Aqui vamos falar de outro aspecto que poucas pessoas abordam: a presença.

Estar presente é estar plenamente consciente da situação, é se doar para aquilo. Não importa se você passa um tempo sozinho, praticando seu amor-próprio ou se com um parceiro. É preciso estar 100% presente.

Quando sentimos vontade de conversar com alguém, da companhia ou até mesmo em atos íntimos ou mais superficiais, estamos inconscientemente manifestando o nosso estado de presença.

Ele acontece de forma natural, mas é possível aumentar ainda mais essa conexão através do Tantra do amor.

Em uma relação na qual exista o amor, segundo o Tantra, não se deve existir ego, ciúmes, apego ou competição entre as partes.  Se baseando nos princípios do amor e da liberdade, devemos amar genuinamente para que cada um se desenvolva de maneira profunda e que a relação seja duradour.

Tantra do Amor e uma relação saudável

Sendo um caminho muito profundo, que vai além dos limites psicológicos de cada um, o Tantra do Amor aborda a energia e a conexão direta entre mente, coração e genitais.

Se pararmos para refletir sobre as terapias direcionadas para casais, a grande maioria delas tem uma metodologia centralizada em uma determinada abordagem. Isto não significando que esteja errado, mas nós, como um casal em um relacionamento de longa duração sentíamos a necessidade de ir além desses limites.

Integrar completamente nossa relação ao que somos individualmente, neste ponto o Tantra do Amor foi (e é) muito importante. Por meio dele, podemos promover nossa intimidade, criando um tempo e espaço sagrado, mesmo com os desafios de dia-a-dia.

Sendo assim, compreendemos que o amor é um sentimento amplo e totalmente livre de ego. Ele é intenso e magnífico, não facilmente abalado por medo, inseguranças, bloqueios ou ciúmes.

E é claro, também aprendemos muito sobre respeito. O Tantra do amor, seja para casais heterossexuais ou homossexuais, ensina como respeitar as diferenças e compreender o outro com amorosidade, carinho e atenção.

Mas, individualmente ele também traz muitos benefícios. Afinal, trabalha com todo nosso potencial orgástico, promove a saúde sexual e a rejuvenescimento.

Também acorda nossas zonas erógenas que por muito tempo ficaram adormecidas, desperta a kundalini.

Agora, que tal duas dicas incríveis que o Tantra do Amor pode nos dar?

2 dicas importantes de acordo com o Tantra do Amor

Como nós dissemos anteriormente, o Tantra do Amor vai muito além desse conceito limitado e nos ensina a abordagem mais pura e intensa desse sentimento.

Por esse motivo, separamos dois conselhos (talvez, pouco tradicionais) do Tantra do Amor para um relacionamento mais saudável e alegre.

Vamos lá?

Antes de amor o outro, ame-se

Essa é uma das frases mais importantes que você verá hoje: nós só somos capazes de amar o outro, quando nos amamos.

Ou seja, O autocuidado e autoamor são coisas essenciais para a manutenção de um relacionamento.

Quando nós temos uma autoestima baixa, falta de amor-próprio e até pensamentos tóxicos, fatalmente começamos a apresentar comportamentos nocivos para a relação.

Algum deles são:

  • Reatividade: tudo o que seu parceiro faz parece uma provocação ou que foi duramente premeditado para de irritar
  • Comportamentos compulsivos: Comer demais, beber demais ou até querer sexo demais são sinais de que existe uma carência de autoamor que não é suprida.
  • Ciúmes: você acha constantemente que seu parceiro(a) vai te trair ou pode de abandonar?

Esses são apenas alguns dos sinais. Você se identificou? Então, é importante começar a dedicar um tempo maior a si. Investir em práticas meditativas que proporcionem o autoconhecimento e a abertura do coração, como o Tantra do Amor facilitam esse processo de apaixonar-se por si mesmo.

Esteja presente (para você e para seu parceiro)

Esteja presente com seu parceiro. Para isso, nossa dica é separar um dia da semana para vocês dois. Abandonem celulares e computadores e façam algo que os dois gostem.

Em outras palavras: tirem o dia para “se namorar”. Vão ao cinema, ouçam música ou façam um passeio pelo parque.

Não importa o que, desde que estejam juntos e presentes no momento. Isso implica quem:

  • Ouvir o outro sem julgamentos
  • Falar seus sentimentos ou sua opinião com sinceridade e amorosidade
  • Abrir seu coração e abaixar barreiras
  • Dar atenção ao momento

Além disso, esteja presente também para você. Nos dias desafiadores, evite se cobrar. Seja seu melhor amigo.

Essa é a lição que o Tantra do Amor nos passa ao nível individual: seja seu melhor amigo.

Só assim nós encontramos a verdadeira essência da amorosidade presente em nós mesmos.

Quer se aprofundar no Tantra do Amor?

Você se conectou com tudo que foi dito até aqui e quer aprofundar seus conhecimentos nesse caminho incrível do Tantra do Amor?

Então, conheça nosso CURSO GRATUITO DE TANTRA PARA CASAIS, nele nós abordamos os princípios iniciais do Tantra do Amor e como você pode incrementar sua relação!

Não perca essa oportunidade!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *