Essa é, provavelmente, a pergunta de um milhão de dólares: do que as mulheres gostam?

Embora para muitos homens essa questão possa ser um mistério indecifrável, o mundo entre homens e mulheres é muito mais fácil de ser decifrado do que imaginamos. 

Tudo o que precisamos é empatia e conhecimento.

Empatia para tentar despertar nossa capacidade de ver o mundo sobre uma nova ótica, com a mesma ideia do próximo. E conhecimento para compreender quais as diferenças entre homens e mulheres e como é possível equilibrar esses pontos para proporcionar um sexo prazeroso e satisfatório para ambos. 

Por esse motivo, no post de hoje nós falaremos um pouco mais sobre o que as mulheres gostam e como é possível dar mais prazer na cama com 5 dicas simples!

Vamos começar? 

Do que as mulheres gostam: como funciona o corpo feminino? 

Antes de qualquer coisa, vamos compreender: como funciona o corpo feminino? É muito importante entender que enquanto o homem fica estimulado sexualmente de forma rápida e muitas vezes mais visual, a mulher é totalmente ao contrário. 

Para sentir desejo e estar completamente preparada para uma penetração (ou relação sexual) a mulher precisa de diversos tipos de estímulos, mais sensoriais que visuais. Logo, as mulheres precisam ser tocadas, beijadas e estimuladas de diversas formas diferentes.

É fato, no entanto, que nós vivemos uma sociedade tipicamente patriarcal, com padrões que remetem mais à sexualidade masculina, do que à feminina. Portanto, é comum que nem mesmo as próprias mulheres estejam plenamente conscientes de todo o seu poder orgástico. 

Muitas, inclusive, jamais tiveram um orgasmo e sentem vergonha ou culpa por se tocarem. Nesse caso, é muito importante compreender que esse é um processo interno dela e que não diz respeito exatamente a você, como parceiro. Sendo assim, basta acolher essa questão e não pressioná-la ou culpar-se da situação. 

Portanto, falar do que as mulheres gostam não se trata de uma ciência exatamente, mas sim, de uma questão muito particular de cada uma. E sendo assim, nós caímos sobre nossa primeira dica!

#1 dica: conversem sobre ELA 

É muito comum, principalmente nos primeiros dias de paquera ou interação, que estejamos mais ousados e brincando mais com as palavras. E isso é ótimo para compreender sua parceira e entender do que ela gosta (ou não gosta). Esteja aberto para ouvir o que ela tem a dizer de forma genuína e interessada, sem julgamentos. 

Esteja preparado para ouvir os verdadeiros sentimentos dela e suas preferências sexuais. Caso ela exponha algum tipo de medo ou vergonha, seja paciente, acolha essas emoções mais desafiadoras de forma autêntica.

E mais uma vez cabe aqui um lembrete: tudo o que ela disser são experiências próprias, baseadas em sua vivência. Por mais que você acredite em algo diferente, é muito importante estar receptivo e sem julgamentos. 

#2 dica: Tenha paciência

A excitação sexual de homens e mulheres acontece de forma diferente. Enquanto os homens são rápidos na excitação e tendem a sustentar o prazer por menos tempo, as mulheres demoram mais para estarem excitadas, mas sustentam o prazer por mais tempo. 

E como driblar esse diferença?

É muito importante ter paciência e encontrar maneiras de trazer prazer para a relação. 

Nesse ponto, um homem que está plenamente consciente de seu poder orgástico e que possui habilidades sexuais desenvolvidas é um grande diferencial, já que ele pode manter a relação pelo que desejar e pode, inclusive, ter um orgasmo sem ejacular. 

Sendo assim, construir essas habilidades sexuais através do autoconhecimento masculino também é importante para dar prazer e satisfazer sua parceira, além de se autossatisfazer, é claro. 

Para isso, ter paciência e curtir cada momento é essencial. 

Afinal, nós somos educados que o orgasmo é o destino do sexo. Então, muitas vezes nós focamos apenas isso e esquecemos completamente no caminho. Ter paciência é inverter essa questão e aproveitar cada parte dessa viagem magnifica que é o sexo.

#3 Dica do que as mulheres gostam: explore os 5 sentidos

Nossos 5 sentimentos são como propulsores do nosso prazer. Assim, estimule-os de forma sutil e amorosa. Tanto os seus quanto os da sua parceira. Sinta os cheiros, os gostos, os toques, ouça os sons e aproveite cada momento da relação. 

Brinque com a intensidade dos toques, ora mais suaves, ora mais intensos. 

O sexo também é um momento de diversão. Divirtam-se em conjunto e sintam-se livres para explorar as possibilidades um do outro. 

#4 Dica: Respirem juntos

 A respiração é uma técnica muito importante que aprofunda os laços do casal. Diga para sua parceira que gostaria de tentar algo diferente, uma técnica tântrica que promove uma conexão maior e aumenta as sensações. 

Depois, sentem-se um de frente para o outro e respirem juntos, cruzando os olhares. Respirem e soltem pela boca de forma ritmada. Vocês também podem intercalar e enquanto um respira o outro inspira.

Isso aumenta a conexão não só entre o casal, mas entre cada um de forma individual, nos desprende do externo e prepara um espaço dentro de nós mesmo para o prazer. 

#5 Dica: explore área diferentes 

As zonas erógenas de uma mulher (e dos homens também, na verdade) vão muito além dos seus genitais. Os mamilos, as coxas, o pescoço, os braços e até a barriga podem ser áreas de grande prazer. Por esse motivo, tenta ir além das carícias padrões e beijá-la e acariciá-la de várias formas diferentes e vários locais diferentes. 

Isso intensifica as sensações e aumenta as chances dela ter um orgasmo. 

Essas são algumas dicas simples para intensificar o prazer da sua parceira e começar e começar a descobrir, pouco a pouco, o que as mulheres gostam. Mas, se você quer aprofundar suas habilidades como amante, aprender cada vez mais sobre o corpo feminino e como proporcionar cada vez mais prazer para sua parceira, conheça nosso curso SEXUALIDADE E MASSAGEM TÂNTRICA

Nele. você encontra técnicas profundas e incríveis, usadas nas massagens tântricas para proporcionar um novo patamar de prazer e se tornar um amante inesquecível. 

Clique no link e comece hoje mesmo a dar um novo passo para sua sexualidade.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *