Antes de lhe contar fatos muito interessantes sobre a ejaculação feminina, eu preciso lhe dizer que: sim, é real!

Muitas pessoas procuram conteúdo na internet a respeito do tema porque nunca experimentaram ou presenciaram esse tipo de orgasmo. De fato, não são todas as mulheres que expressam naturalmente essa característica. Mas todas podem desenvolver, sim!

 

Esse post lha trará 4 revelações sobre o orgasmo com ejaculação feminina e, de quebra, você vai receber um presente incrível com exercícios práticos tântricos para lhe ajudar a trazer sua sexualidade para um próximo nível! 

Vamos lá!

 

 

 

1 – O que é?

A ejaculação feminina é a liberação de um fluido produzido pelas glândulas que ficam próximas ao canal da uretra (parauretrais), conhecidas como “glândulas de Skene”, no momento do orgasmo. Os nomes podem parecer estranhos, mas quanto mais a mulher se familiariza com informações sobre sua sexualidade, mais fácil se torna todo o processo de redescoberta.

Muita gente pensa que esse líquido é apenas “xixi”. Mas não é! Não pode ser confundido com urina, pois, o fluido possui aspecto transparente ou leitoso. 

 

 

2 – Orgasmos poderosos!

Simplificando: a ejaculação feminina é o resultado da liberação de orgasmos poderosos! Existem algumas condições para que essa liberação aconteça. Uma das mais importantes é o estado geral de relaxamento do corpo. 

Mas, entenda: o orgasmo ejaculatório feminino não pode se transformar em uma meta. Esse tipo de prazer é o resultado natural de outras vivências importantes. Criar uma meta para isso só vai lhe atrapalhar!

Além disso, é necessário um processo de ressignificação do toque no contato preliminar e no próprio ato sexual. É preciso tomar consciência de si mesma, desobstruir os canais para que a energia poderosa do orgasmo possa se espalhar pelo corpo inteiro.

 

 

 

 

3 – O mais poderoso afrodisíaco para seu parceiro!

 

A elevada capacidade de sentir prazer da mulher cria, no seu parceiro, uma forte atração. O orgasmo, que pode ser múltiplo, jamais se repete da mesma maneira. Ela nunca goza de uma forma que sua excitação acabe… é um gozo que pode circular sempre, sem fim. Muitos comparam o êxtase sexual feminino com a música oriental: tem sua estrutura repetitiva e nuances de freqüência de suas notas.

Essa característica feminina entrega para o seu parceiro uma energia intensa que, naturalmente, acende também seu desejo. Assim, torna-se um afrodisíaco natural e muito potente!

Você pode imaginar como um orgasmo com ejaculação feminina, com suas características muito excitantes, pode influenciar a libido do parceiro?! Certamente, é algo que merece ser experimentado e que pode melhorar fazer crescer bastante a atração entre os dois! Mas que faz parte de toda uma jornada de reaprendizado do toque, da intimidade. Não pode ser considerado um objetivo isolado.

 

 

4 – Mais saúde física e mental!

Muitas culturas antigas abordaram a sexualidade como uma via para a felicidade material e progresso espiritual. Por exemplo, o Tantra indiano. Outra tradição que desenvolveu os aspectos sexuais da existência humana foi o taoísmo. Alguns conceitos védicos se aproximam dos conceitos taoístas, como os canais de energia chamados de, respectivamente de “nadis” e “meridianos”.

Com certeza, você já ouviu falar de reflexologia podal, aquela massagem nos pés, não é verdade? Ou então de do-in, “acupuntura com os dedos”? Com certeza já ouviu falar! Essas tradições trabalham a melhora da circulação energética do corpo. Então, expandindo esse conceito, temos a chamada reflexologia sexual! 

Sim! Há pontos reflexológicos muito potentes também nos órgãos sexuais. O problema atual é que as pessoas repetem sempre os mesmos gestos e manobras na relação sexual… isso não permite um estímulo pleno do corpo, empobrece a experiência. Por conseqüência não se experimentam melhores orgasmos, como aqueles acompanhados da ejaculação feminina, por exemplo.

 

Conclusão

Sim, é real. Também já entendemos o que é. E alguns benefícios do orgasmo ejaculatório feminino foram explicados.

Se você tem interesse em viver tal experiência, saiba, como já dito, que um orgasmo, qualquer que seja, não pode ser entendido como uma meta. Já temos metas demais em nossas vidas, não é mesmo?!

O Curso Online de Sexualidade e Massagem Tântrica oferece os caminhos para essa jornada de consciência e autodescoberta. No curso, você vai encontrar novas formas de tocar e ser tocada, que despertarão sensibilidades adormecidas. Também, os exercícios com os “yoni eggs” fortalecerão seus músculos pélvicos. Todas essas práticas revelarão um novo universo de sensações, dentre as quais a ejaculação feminina é uma possibilidade.

 

Escrito por: Renato Sá Barreto, Aluno do Curso Online de Sexualidade e Massagem Tântrica.{:}

(Visited 227 times, 2 visits today)

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *